ANÁLISE DOS SISTEMAS AMBIENTAIS EXISTENTES NA ÁREA DE INFLUÊNCIA DIRETA DO RIO MALCOZINHADO EM CASCAVEL/CE

Autores

  • Lara Lima Lourenço Universidade Estadual do Ceará (UECE)
  • Maria Lúcia Brito da Cruz Universidade Estadual do Ceará (UECE)

DOI:

https://doi.org/10.35701/rcgs.v25.907

Palavras-chave:

Geoprocessamento, Mapeamento, Sistemas Ambientais, Cascavel

Resumo

Em todo território cearense encontra-se diversas atividades de produção realizadas na superfície, destaca-se, o uso recreativo e turístico que existem nas diversas praias cearenses, mas com grande influências negativas para o meio ambiente da planície. Este trabalho objetivou analisar, mapear e classificar os sistemas ambientais existentes na área de influência direta da planície fluviomarinha do rio Malcozinhado no município de Cascavel/CE, Brasil. O município vem apresentando, nos últimos anos, um elevado crescimento turístico, justificando assim a necessidade de identificar as áreas ambientais mais vulneráveis ao adensamento populacional. Utilizando-se do uso do viés sistêmico e de produtos de sensoriamento remoto, geoprocessamento, dados cartográficos e trabalho de campo. Desse modo, procedeu-se a caracterização geoambiental elaborando como resultado os mapas de geologia, geomorfologia e por fim dos sistemas ambientais da área de estudo, na escala 1:48.000,  delimitado e definido quais são os sistemas ambientais presentes, entre eles estão a Planície fluviomarinha, lagunar e lacustre, as dunas móveis, tabuleiro pré-litoranêos e os terraços marinhos holocênicos. Com isso, é fundamental a atenção voltada para preservação das praias a fim de contribuir para uma conscientização mais sustentável e o entendimento da manutenção do meio ambiente, por isso, o estudo em questão é relevante para o entendimento da dinâmica funcional da área.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Lara Lima Lourenço, Universidade Estadual do Ceará (UECE)

Mestranda do Programa de Pós-Graduação em Geografia (ProPGeo) na Universidade Estadual do Ceará, vinculada ao Laboratório de Geoprocessamento e Estudos Aplicados - LABGEO. Graduada em Geografia/Bacharelado na Universidade Estadual do Ceará (2021). Pesquisadora colaboradora e supervisora do grupo de estudo de sensoriamento remoto do LABGEO/UECE. Pós graduada em Topografia e Sensoriamento Remoto. Pós Graduanda em Geoprocessamento aplicado a análise ambiental e recursos hídricos. Membro do Grupo de Pesquisa Semiárido Brasileiro e o Contexto Geoambiental (CNPq). 

Maria Lúcia Brito da Cruz, Universidade Estadual do Ceará (UECE)

Graduação em GEOGRAFIA pela Universidade Estadual do Ceará (1986), Especialização em Sensoriamento Remoto pelo Instituto nacional de pesquisas Espaciais - INPE(1989), Mestrado em Desenvolvimento e Meio Ambiente pela Universidade Federal do Ceará-UFC (1998), Doutorado em Geografia pela Universidade Federal de Pernambuco-UFPE (2010) e Pós-Doutorado em Geografia pela Universidade Federal do Pará-UFPA(2018). Atualmente estou professora da Universidade Estadual do Ceará junto aos cursos de Geografia em nível de Graduação e Pós-Graduação.

Downloads

Publicado

2023-09-11

Como Citar

LOURENÇO, L. L.; CRUZ, M. L. B. da. ANÁLISE DOS SISTEMAS AMBIENTAIS EXISTENTES NA ÁREA DE INFLUÊNCIA DIRETA DO RIO MALCOZINHADO EM CASCAVEL/CE. Revista da Casa da Geografia de Sobral (RCGS), [S. l.], v. 25, n. 2, p. 52–70, 2023. DOI: 10.35701/rcgs.v25.907. Disponível em: //rcgs.uvanet.br/index.php/RCGS/article/view/907. Acesso em: 25 jun. 2024.

Edição

Seção

Artigos