MÉTODOS ESTATÍSTICOS NÃO-PARAMÉTRICOS COMO FERRAMENTA NO MONITORAMENTO PLUVIOMÉTRICO

  • Estevão Conceição Gomes Junior Universidade Estadual de Londrina (UEL)
  • Deise Fabiana Ely Universidade Estadual de Londrina (UEL)
Palavras-chave: Mann-Kendall, Curvatura de Sen, Monitoramento climático, Estatística aplicada à Climatologia

Resumo

A precipitação desempenha um papel importante no ciclo global de energia e água. Seu monitoramento é de especial importância para a avaliação e gestão de água doce relacionada com o uso da terra, agricultura e hidrologia. Com isso, o alto interesse em análises da variabilidade da precipitação a longo prazo surge da necessidade de avaliar as mudanças climáticas. Para tanto, métodos estatísticos têm sido utilizados para monitorar o comportamento das variáveis climáticas e acompanhar possíveis tendências. Diante do exposto, o presente estudo tem como objetivo utilizar métodos estatísticos não-paramétricos, como Mann-Kendall e Curvatura de Sen e observar tendências e intensidades das mudanças pluviométricas na Região Geográfica Intermediária de Londrina (RGIL). Foram utilizados os dados diários, mensais e anuais de chuvas em 12 estações meteorológicas localizadas na RGIL e foram aplicados os testes de Mann-Kendall e Curvatura de Sen por meio do software Auto_MK_Sen. Os resultados indicaram tendências de aumento de chuvas em 5 dos 11 municípios da RGIL, todos localizados à norte, além da redução das chuvas no outono sob um nível de confiança estatística de 90%. 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Estevão Conceição Gomes Junior, Universidade Estadual de Londrina (UEL)

Doutor em Geografia pela Universidade Estadual de Londrina (UEL) e coordenador da área de Ciências Humanas no Centro Universitário Filadélfia (UniFil)/Colégio Londrinense.

Deise Fabiana Ely, Universidade Estadual de Londrina (UEL)

Pós-doutora em Meteorologia pela University of Maryland at College Park (Estados Unidos), Pós-doutora em Geografia pela Université de Moncton (Canadá) e professora associada da Universidade Estadual de Londrina (UEL).

Publicado
2021-05-12
Como Citar
GOMES JUNIOR, E. C.; ELY, D. F. MÉTODOS ESTATÍSTICOS NÃO-PARAMÉTRICOS COMO FERRAMENTA NO MONITORAMENTO PLUVIOMÉTRICO. Revista da Casa da Geografia de Sobral (RCGS), v. 23, p. 38-53, 12 maio 2021.
Seção
Artigos