DISTRIBUIÇÃO ESPACIAL DAS ÁRVORES À BEIRA DA ESTRADA NO CENTRO DA CIDADE DE SANTIAGO DEL ESTERO (ARGENTINA)

  • María Eugenia Arias Universidad Nacional del Centro de la Provincia de Buenos Aires
  • Juan Pablo Celemín Universidad Nacional del Centro de la Provincia de Buenos Aires
Palavras-chave: diversidade de plantas, índice de diversidade, inventário florístico, padrões espaciais

Resumo

Conhecer a diversidade vegetal e sua distribuição espacial é fundamental para o planejamento urbano. O objetivo do estudo foi analisar a distribuição espacial das árvores viárias no bairro Centro da cidade de Santiago del Estero (Argentina). Portanto, no verão de 2019, foi realizado um censo nas 86 quadras do bairro para conhecer sua composição florística. Abundância, riqueza específica e índice de diversidade de Shannon-Wiener foram calculados. Posteriormente, foram feitos mapas temáticos da distribuição espacial das árvores com um sistema de informações geográficas. O inventário apresentou abundância de 3.125 espécimes e riqueza específica de 73 espécies, sendo as mais dominantes numericamente Citrus aurantium e Handroanthus impetiginosus. A distribuição espacial das árvores rodoviárias apresentou padrões semelhantes de riqueza e abundância específica, e um padrão de biodiversidade um pouco diferente dos anteriores com valores mais elevados na periferia. A diversidade para todo o bairro apresentou valor médio de H = 2,71 considerando a amplitude do índice de Shannon-Wiener. Este valor indica que existe um número aceitável de espécies na área, logo a diversidade é média, com distribuição irregular.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

María Eugenia Arias, Universidad Nacional del Centro de la Provincia de Buenos Aires

Magister en Gestión Ambiental. Becaria Doctoral del Consejo Nacional de Investigaciones Científicas y Técnicas en el Instituto de Geografía, Historia y Ciencias Sociales (IGHCS), Consejo Nacional de Investigaciones Científicas y Técnicas - Universidad Nacional del Centro de la Provincia de Buenos Aires.

Juan Pablo Celemín, Universidad Nacional del Centro de la Provincia de Buenos Aires

Doctor en Geografía. Investigador Independiente en el Instituto de Geografía, Historia y Ciencias Sociales (IGHCS), Consejo Nacional de Investigaciones Científicas y Técnicas - Universidad Nacional del Centro de la Provincia de Buenos Aires.

 

Publicado
2021-12-01
Como Citar
ARIAS, M. E.; CELEMÍN, J. P. DISTRIBUIÇÃO ESPACIAL DAS ÁRVORES À BEIRA DA ESTRADA NO CENTRO DA CIDADE DE SANTIAGO DEL ESTERO (ARGENTINA). Revista da Casa da Geografia de Sobral (RCGS), v. 23, p. 434-454, 1 dez. 2021.
Seção
Artigos