CONFORTO TÉRMICO NAS ESCOLAS DO CRATO - CE

  • Thiago Felix de Lima UNIVERSIDADE REGIONAL DO CARIRI - URCA
  • Juliana Maria Oliveira Silva UNIVERSIDADE REGIONAL DO CARIRI - URCA
Palavras-chave: Extensão, Pesquisa, Conforto térmico, Desconforto térmico, Ambiente escolar.

Resumo

O trabalho tem como ação verificar se em algumas escolas do Município do Crato apresentam conforto/desconforto térmico para os alunos, professores e funcionários em períodos distintos do ano. O trabalho faz parte do projeto de extensão do Laboratório de Análise Geoambiental que visa também aproximar os alunos da Universidade com a escola, demonstrando que a extensão pode e deve produzir dados que podem auxiliar na melhoria das condições do ambiente onde atua. Foram selecionadas duas escolas e instalou-se três mini estações de baixo custo em três diferentes pontos, sendo o primeiro ponto instalado na sala de aula, um no pátio e outro na área externa, sendo mensurados a temperatura e a umidade de uma em uma hora. De acordo com Diagrama do Conforto Humano (INMET) foram feitos os cruzamentos dos dados a fim de se obter um resultado inicial do que ocorrem nas duas escolas no primeiro período do ano escolhido. Através dos resultados obtidos pela medição e entrevistas com alunos funcionários e professores, e de algumas observações, pode-se concluir que ocorrem em alguns horários situações de desconforto térmico, o que pode ser percebido também pelos alunos e professores quando responderam o questionário.

Palavras-chave:Extensão.Pesquisa.Conforto térmico. Desconforto térmico. Ambiente escolar.

 

ABSTRACT

The work has the effect of checking if some schools of the Municipality of Crato present some comfort / thermal discomfort for students, teachers and employees during different periods of the year. The work is part of the extension project of the Laboratory of Geoenvironmental Analysis that also aims to bring students from the University to the school, demonstrating that extension can and should produce data that can help improve the conditions of the environment where it operates. Two schools were selected and three low-cost mini-stations were installed in three different points, the first point being installed in the Geography classroom of each school, one in the courtyard and the other in the external area, being measured temperature and humidity one hour at a time. According to the Human Comfort Diagram, the data were cross-checked in order to obtain an initial result of what happens in the two schools in the first period of the year chosen. Through the results obtained by the measurement and interviews with student employees and teachers, and some observations, it can be concluded that at certain times situations of thermal discomfort occur, which can also be perceived by students and teachers when they answered the questionnaire

Keywords:Extension. Search. Thermal comfort. Thermal discomfort. School environment.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Thiago Felix de Lima, UNIVERSIDADE REGIONAL DO CARIRI - URCA

 

GRADUANDO EM GEOGRAFIA NA UNIVERSIDADE REIONAL DO CARIRI-URCA, BOLSISTA DE EXTENSÃO DO LABORATÓRIO DE CLIMATOLOGIA E BACIAS HIDRODRÁFICAS - LABCLIMA.

 

Publicado
2019-09-30
Como Citar
DE LIMA, T. F.; OLIVEIRA SILVA, J. M. CONFORTO TÉRMICO NAS ESCOLAS DO CRATO - CE. Revista da Casa da Geografia de Sobral (RCGS), v. 21, n. 2, p. 948-961, 30 set. 2019.