“TERRITÓRIO DAS ÁGUAS”: AVALIAÇÃO AMBIENTAL DA NASCENTE DO RIO CAMARATUBA ENTRE OS MUNICÍPIOS DE DUAS ESTRADAS/PB E SERRA DA RAIZ/PB

  • Devid Wallas de Sousa Borges Universidade Estadual da Paraíba
  • Fábio Rocha da Silva
  • Ivanildo Costa Silva
Palavras-chave: Degradação ambiental, Nascente, “Território das águas”.

Resumo

O referido trabalho teve como objetivo avaliar o estado de conservação da nascente do Rio Camaratuba, localizada entre os territórios dos municípios de Duas Estradas/PB e Serra da Raiz/PB. Procurou-se investigar, de modo singular, se a nascente conta com a presença de cercas de proteção; se há atividade agropecuária no entorno; verificar a situação da mata ciliar e ainda tentar compreender a concepção da comunidade que mora próximo com relação à importância da nascente. A metodologia aplicada para a realização desta produção foi a pesquisa de campo, que aliado a uma abordagem qualitativa evidenciou a descrição que a nascente em questão não está nos parâmetros e conformidades da LEI Nº 12.727 de 17.10.2012, que indica a situação de conservação das áreas no entorno das nascentes e dos olhos d’água perenes, qualquer que seja sua situação topográfica, no raio mínimo de 50 (cinquenta) metros. Os resultados apontados durante as expedições geográficas foram que a nascente se inseri na zona ruim quanto ao grau de proteção, de modo que os impactos ambientais são notórios quanto a presença de resíduos sólidos ao redor da nascente, vegetação alterada, presença de odor e espumas na água.

Palavras-chave: Degradação ambiental, Nascente, “Território das águas”.

 

ABSTRACT

The objective of this study was to evaluate the state of conservation of the source of the Camaratuba River, located between the territories of the municipalities of Duas Estradas / PB and Serra da Raiz / PB. It was sought to investigate, in a singular way, if the source has the presence of protection fences; if there is agricultural activity in the environment; to verify the situation of the ciliary forest and still to try to understand the conception of the community that lives near with respect to the importance of the source. The methodology applied for the realization of this production was the field research, which together with a qualitative approach evidenced the description that the nascent in question is not in the parameters and conformities of LEI Nº 12.727 of October 17, 2012 that indicates the conservation status of the areas in the vicinity of the springs and perennial water eyes, whatever their topographic situation, within a minimum radius of 50 (fifty) meters. The results pointed out during the geographic expeditions were that the spring was inserted in the bad zone as to the degree of protection, so that the environmental impacts are notorious for the presence of solid residues around the source, altered vegetation, presence of odor and foams in water.

Keywords: Ambiental Degradation, Spring, “Territory of waters”.

 

RESUMEN

Este estudio tuvo como objetivo evaluar el estado de conservación del manantial del río Camaratuba, ubicado entre los territorios de los municipios de Duas Estradas / PB y Serra da Raiz / PB. Intentamos investigar, de manera singular, si la primavera tiene presencia de cercas protectoras; si hay actividad agrícola en los alrededores; verificar la situación del bosque ribereño y aún tratar de comprender la concepción de la comunidad que vive cerca de la importancia de la primavera. La metodología aplicada para esta producción fue la investigación de campo, que aliada a un enfoque cualitativo evidenció la descripción de que la fuente en cuestión no está en los parámetros y conformidad de la Ley N ° 12.727 de 17.10.2012, que indica la situación de conservación de la áreas alrededor de los manantiales y ojos de agua perennes, cualquiera sea su situación topográfica, dentro de un radio mínimo de 50 (cincuenta) metros. Los resultados señalados durante las expediciones geográficas fueron que el manantial está en la zona mala en cuanto al grado de protección, por lo que los impactos ambientales son notables como la presencia de residuos sólidos alrededor del manantial, vegetación alterada, presencia de olores y espumas área en el agua.

Palabras clave: Degradación ambiental, Primavera, “Territorio de aguas”.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Devid Wallas de Sousa Borges, Universidade Estadual da Paraíba
Especializando do Programa de Pós-Graduação Lato Sensu em Geografia e Território: Planejamento Urbano, Rural e Ambiental pela Universidade Estadual da Paraíba (CAMPUS III). Graduado em Licenciatura Plena em Educação Física pela Universidade de Brasília - UnB. Graduado em Licenciatura plena em Geografia pela Universidade Estadual da Paraíba (CAMPUS III). Desenvolveu sua pesquisa de TCC na Geografia da Cachaça Serra Limpa, explorando as relações de trabalho, campo-cidade, configuração do espaço geográfico e suas nuances. Atualmente, é Coordenador do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) - Duas Estradas/PB.
Publicado
2019-09-30
Como Citar
BORGES, D. W. DE S.; SILVA, F. R. DA; SILVA, I. C. “TERRITÓRIO DAS ÁGUAS”: AVALIAÇÃO AMBIENTAL DA NASCENTE DO RIO CAMARATUBA ENTRE OS MUNICÍPIOS DE DUAS ESTRADAS/PB E SERRA DA RAIZ/PB. Revista da Casa da Geografia de Sobral (RCGS), v. 21, n. 2, p. 1268-1276, 30 set. 2019.