INVENTÁRIO DA ARBORIZAÇÃO DE UM BAIRRO DA CIDADE DE PARNAÍBA, PIAUÍ, COM A UTILIZAÇÃO DE UM SISTEMA DE INFORMAÇÃO GEOGRÁFICA

  • Luanara Almeida Carvalho Prefeitura Municipal de Parnaíba-PMP
  • Johnson Fernandes Nogueira Universidade Federal do Piauí/Campus Ministro Reis Velloso
  • Jesus Rodrigues Lemos Universidade Federal do Piauí-UFPI Campus Ministro Reis Velloso-CMRV
Palavras-chave: Arborização urbana, Espécies arbustivo-arbóreas, planejamento urbano.

Resumo

Os problemas relacionados com a falta de manejo da arborização urbana já podem ser percebidos nas cidades. Tendo em vista os benefícios e a importância do planejamento arbóreo urbano, o presente trabalho objetivou diagnosticar a situação da arborização viária no bairro Nova Parnaíba, localizado na cidade de Parnaíba, norte do Piauí, utilizando um Sistema de Informação Geográfica (SIG). Foi possível conhecer e avaliar a situação destes indivíduos do bairro em estudo, avaliando-se uma série de parâmetros qualitativos e quantitativos, tabelados e inseridos no software Quantum 2.8.1. Para o preenchimento dos dados, utilizou-se uma tabela de atributos, analisando-se as condições dos passeios e os espécimes encontrados, com suas respectivas localizações e para o posicionamento de todos os indivíduos, utilizou-se o receptor GPS Garmin modelo E-trex. A Imagem do Município de Parnaíba foi obtida a partir de uma extensão no próprio software Quantum GIS que disponibiliza o Google Earth e Maps. Foram encontrados, no bairro, 843 indivíduos lenhosos pertencentes a 19 espécies e 11 famílias botânicas. Azadirachta indica A. Juss. predominou na vegetação viária com 359 indivíduos, totalizando 43%. Existe predomínio de espécies exóticas na arborização, total de 86%, enquanto que apenas 14% são nativas. A arborização do bairro foi considerada de forma geral adequada e adaptada, já que não danifica o passeio e suas estruturas, proporcionando um bom sombreamento geral. Mais de 70% das plantas não apresentaram danos às calçadas. Outras análises demonstraram ainda que a situação da fiação é preocupante, pois mais de 50% dos indivíduos apresentam fiação no meio ou abaixo da copa.

Palavras chaves: Arborização urbana. Espécies arbustivo-arbóreas. Planejamento urbano.

 

ABSTRACT

The problems related to the lack of management of urban trees can already be perceived in the cities. In view of the benefits and the importance of urban tree planning, the present study aimed to diagnose the status of trees in urban areas in the Nova Parnaíba  neighborhood, located in Parnaíba, northern Piauí, using a Geographic Information System (GIS). It was possible to understand and evaluate the situation of local individuals under study, evaluating a number of qualitative and quantitative parameters and tabulated and included in Quantum 2.8.1 software. For the data filling, used an attribute table analyzing the conditions of the tours and found specimens with their respective locations and the positioning of all individuals used the Garmin GPS model E-trex receiver. The Image of the City of Parnaíba was obtained from an extension in the very Quantum GIS software that provides Google Earth and Maps. Eight hundred forty-three (843) woody individuals belonging to 19 species and 11 botanical families were found in the district. Azadirachtaindica A. Juss. predominated in the road vegetation with 359 individuals, totaling 43%. There is a predominance of alien species in afforestation, total of 86%, while only 14% are native. In general, the landscaping of the district was considered as appropriate and adapted, as it does not damage the ride and its structures, providing a good overall shading. Over 70% of the plants showed no damage to sidewalks. Further analysis also showed that the situation of wiring is worrisome because more than 50% of people have wiring in the middle or below the canopy.

Keywords: Urban afforestation; Woody species, urban planning.

 

RESUMEN

Los problemas relacionados con la falta de gestión del arbolado urbano ya pueden percibirse en las ciudades. Teniendo en cuenta los beneficios y la importancia de la planificación de árboles urbanos, el presente estudio tuvo como objetivo diagnosticar el estado de la silvicultura urbana en el barrio de Nueva Parnaíba, situada en Parnaíba, el norte de Piauí, utilizando un Sistema de Información Geográfica (SIG). Fue posible comprender y evaluar la situación de las personas de la vecindad en estudio, la evaluación de una serie de parámetros cualitativos y cuantitativos y tabulados y se incluye en el software Quantum 2.8.1. Para completar los datos utilizados una tabla de atributos de analizándose las condiciones de los paseos y ejemplares encontrados con sus respectivos lugares y para el posicionamiento de todos los individuos se utilizó el receptor modelo E-trex GPS Garmin. La imagen de la ciudad de Parnaíba fue obtenida a partir de una extensión en el software SIG muy Quantum que ofrece Google Earth y Maps. Fueron encontrados en el barrio, 843 individuos leñosos pertenecientes a 19 especies y 11 familias de plantas. Azadirachta indica A. Juss. predominándose en la vegetación viaria con 359 personas, con un total del 43%. Hay un predominio de las especies exóticas en la forestación, el total del 86%, mientras que sólo el 14% son nativos. El paisaje del barrio se consideraba un general adecuada y adaptada, ya que no daña el paseo y sus estructuras, que proporciona una buena sombra en general. Más del 70% de las plantas no mostró ningún daño a las aceras. Otras análisis demostraron aún que la situación de la hiladura es preocupante, pues más de 50% de las personas tienen hiladura en el medio o por debajo de la copa.

Palabras clave: Forestación urbana; Especies arbustivo-arbóreas; planificación urbana.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Luanara Almeida Carvalho, Prefeitura Municipal de Parnaíba-PMP
Bióloga pela Universidade Federal do Piauí/Campus Ministro Reis Velloso. É funcionária da Secretaria de Saúde da Prefeitura Municipal de Parnaíba-PMP.
Johnson Fernandes Nogueira, Universidade Federal do Piauí/Campus Ministro Reis Velloso
Professor Adjunto da Universidade Federal do Piauí - UFPI - Parnaíba - PI - BR. Graduação em Geologia pela Universidade Federal do Ceará - UFC; Mestrado em Geociências e Doutorado em Geologia Regional pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho - UNESP - Rio Claro - SP. Atua nas áreas de Geociências, Geologia Regional, Geologia Estrutural e Geoprocessamento. É professor colaborador do Programa de Pós-Graduação em Geologia da Universidade Federal do Ceará.
Jesus Rodrigues Lemos, Universidade Federal do Piauí-UFPI Campus Ministro Reis Velloso-CMRV

Possui Graduação em Ciências Biológicas pela Universidade Federal do Piauí (1995), Mestrado em Biologia Vegetal pela Universidade Federal de Pernambuco (1999), Doutorado em Ciências Biológicas (Botânica) pela Universidade de São Paulo (2006) e Pós-Doutorado no Royal Botanic Gardens, Kew, Londres (2006 e 2013). Tem experiência na área de Botânica, com ênfase em Florística e Fitossociologia da vegetação de caatinga e Fitogeografia do semi-árido brasileiro. Atualmente é Professor Adjunto IV do Curso de Ciências Biológicas da Universidade Federal do Piauí/Campus Ministro Reis Velloso (Parnaíba).

Publicado
2016-07-30
Como Citar
CARVALHO, L. A.; NOGUEIRA, J. F.; LEMOS, J. R. INVENTÁRIO DA ARBORIZAÇÃO DE UM BAIRRO DA CIDADE DE PARNAÍBA, PIAUÍ, COM A UTILIZAÇÃO DE UM SISTEMA DE INFORMAÇÃO GEOGRÁFICA. Revista da Casa da Geografia de Sobral (RCGS), v. 18, n. 1, p. 100-117, 30 jul. 2016.
Seção
Artigos